Em 20 dias, Pernambuco registra quatro vítimas de violência transfóbica…

Ed Rodrigues,

Colaboração para o UOL, do Recife

11/07/2021 04h00

Em menos de um mês, Pernambuco registrou quatro assassinatos de pessoas transexuais. Fabiana da Silva Lucas, de 30 anos, foi morta a golpes de faca no agreste pernambucano na madrugada desta quarta-feira (7), e Roberta Silva morreu na manhã desta sexta-feira (9), depois de ter 40% do corpo lesionado com queimaduras de terceiro grau.

Segundo a Antra (Associação Nacional de Travestis e Transexuais), o Brasil registrou 80 homicídios de pessoas trans somente no primeiro semestre deste ano. O país, segundo a entidade, é o que mais mata transexuais no mundo.

Casos

No dia 18 de junho, Kalyndra Selva foi encontrada morta com sinais de asfixia. O companheiro dela é o principal suspeito pelo crime.

Poucos dias depois, em 24 de junho, Roberta Silva foi atacada no centro da cidade. Um adolescente de 16 anos ateou fogo nela, que estava em situação de rua. Ela ficou 15 dias internada no Hospital da Restauração intubada e em estado grave. Às 9h desta sexta, segundo a unidade de saúde, a paciente não resistiu às falências respiratória e renal…. – Veja mais em https://noticias.uol.com.br/cotidiano/ultimas-noticias/2021/07/11/em-20-dias-pernambuco-registra-quatro-vitimas-de-violencia-transfobica.htm?cmpid=copiaecola

Rildo Veras

Rildo Veras

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *